10 Dicas para contextualizar-se com o país

Missionário Glauber Destro e sua esposa

Para fazer missões ou melhor, levar a Palavra de Deus a outros povos é importante fazer com responsabilidade como afirma o apóstolo Paulo em Colossenses 3:23: “E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homens”, segue 10 Dicas para contextualizar-se com o país:

  1. Faça sempre aula do idioma nativo, assim na sua turma você até estará fazendo amizades e evangelizando outros
  2. Leia muito a Bíblia na língua deles
  3. Aprenda e aprecie tanto a culinária nativa, quanto o modo deles comer
  4. Perceba os temas que os nativos costumam conversar, e conheça-os bem, para então fazer parte da conversa
  5. Assista apenas TV nativa, principalmente os noticiários, e conheça todos os programas, filmes e músicos que todo nativo conhece. Aprenda a apreciar tudo isso.
  6. Não busque apenas amigos do seu país, mas principalmente grandes amigos nativos da região
  7. Faça sempre muitas perguntas aos nativos, cristãos ou não, sobre o que eles pensam sobre religião, Bíblia, Deus, cristianismo, etc. Sempre! Aprenda mais a ouvir do que falar.
  8. Em vez de dizer: “Não faço isso; sou brasileiro”, diga: “Você sempre fez assim? Então vou fazê-lo, claro!” Talvez você não goste no início, mas acostume-se, que as coisas então começarão a mudar. Não pense “sou brasileiro, sou brasileiro…”, mas pense “menos de mim, mais deles, por Cristo!”
  9. Envolva-se com nativos de dentro e fora da igreja, e nativos de diferentes idades e classes
  10. Ore! Ore todos os dias para que o Espírito Santo te dê discernimento para interpretar o Evangelho na linguagem que o nativo compreenda. A Igreja caminha de joelhos.

Engraçado que a maioria não faz nada disso, e se o faz, é o item de orar, e mesmo assim não o faz diligentemente. Mas as coisas estão mudando. Chegou o tempo de mudar essa história.